História do Ramen


Monges budistas do Japão que foram estudar na China, no século 11, trouxeram na bagagem a escrita dos ideogramas e o know how do macarrão. Foi uma grande revolução alimentar. No início, o macarrão era uma comida restrita aos templos, mas logo se popularizou. O Japão criou a sua própria cultura do macarrão: o udon, o soba, o shirataki, o somen, o harusame... O macarrão que mais conservou a identidade de origem chinesa é o ramen, que o Japão reinventou, transformando-o em um dos seus pratos mais populares. Hoje estima-se que funcionem no país, mais de 30 mil casas especializadas em ramen. 

Cada tipo de ramen tem sua história, que brotou das características da região onde ele foi concebido. Insumos locais e temperos regionais traduzem a identidade deste prato tão amado pelos japoneses. 

Por isso, a Mitiki elegeu o ramen para começar as suas atividades. Um prato democrático, acessível, com forte identidade em sua raiz.


Deixe um comentário


Os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados